Este blog vai ser redirecionado!

Blog redirecionado em 6 segundos!
http://confuciomoura.com.br
Aguarde.

domingo, 5 de dezembro de 2010

A GRANDE MUDANÇA

Não pense você meu amigo que é tarefa exclusiva do GOVERNO DO ESTADO mudar o feitio de Rondônia. Não é. A grande mudança deve nascer de dentro de cada rondoniense. Assim, de uma maneira progressiva e determinada. E colocar um sol no céu de cada um - e que cada cidadão diga dentro de si mesmo, do seu coração - "EU QUERO UMA RONDÔNIA RESPEITADA PELO BRASIL INTEIRO. E MAIS - TENHO ORGULHO DE SER RONDONIENSE". Estas duas palavras - respeito geral e orgulho para todos.

Sou ainda um brasileiro que me emociono quando ouço o Hino Nacional. Sinto vaidade de ver tremulando a Bandeira. E quero ver também a bandeira de Rondônia tremulando em todas as escolas, hospitais, órgãos públicos. Não vou colocar minha foto em cada repartição. Não me sinto bem. No lugar do foto irá a bandeira do Brasil e de Rondônia. Quero que os alunos cantem o maravilhoso Hino de Rondônia, para, por aí, iniciar o sentimento de orgulho de todos.

A minha parte vou fazer, com toda certeza. Em cada assinatura que eu der, antes de soltar a tinta no papel, como um raio - emitirei no meu silêncio "a minha atitude agora ajudará o Estado a ser respeitado e orgulhoso?".

Para começo de conversa, para ser respeitado não pode nenhum rondoniense ficar deitado no chão num hospital público. Enquanto tiver um nesta situação o Estado não será respeitado. E nem orgulhoso. Enquanto tiver um aluno sem aula e escola igualmente desleixada, o Estado, mais uma vez, não será respeitado e nem orgulhoso.

É assim que eu desejo que o meu secretariado faça e aja. E se cada um que esteja a meu lado pensar assim, com certeza, o meu governo aproximará e muito do Teixeirão. Enquanto tiver um servidor de carreira ou portariado tirando vantagem, recebendo propina, facilitando procedimentos em troca de vantagem de ordem pessoal - o Estado inteiro sofrerá vergonha, não terá respeito e não será objeto de orgulho.

Pai de família, mãe, pastor, padre, associação, ONG, etc e tal, todos deverão pensar e agir da mesma forma. Aí sim o Estado será feliz, próspero e todo mundo sentirá a maior vaidade de residir por aqui.

Não pense que eu sou um puritano e um ingênuo, não sou, mas, o meu objetivo é este - trabalhar para servir, como sempre fiz, sou duro, calmo, prudente e tem uma coisa - sei demitir sem nenhum constrangimento.

8 comentários:

Anônimo disse...

GOVERNADOR CONFÚCIO, que ninguém duvide, estimulantes e firmes palavras são estas com que conclama todos, do mais humilde servidor público aomais graduado, os Secretários de Governo, bem como os Adjuntos e assessorias técncas, diretores e gerentes, e o povo em geral. Meus Parabéns! Henry Iscan (Porto Velho).

Anônimo disse...

É por isso que me orgulho de ser Rondoniense. Ter um governo com essas qualidades não é pra qualquer um.
*Alguém que traz consigo a firmeza e determinação, igual um leão diante dos obstáculos. Observa com a simplicidade e tranqüilidade de uma pomba, cada objetivo á ser almejado.
Caminha sobe as adversidades, com a prudência e destreza de uma serpente quando está sobre um território minado.

Se observássemos com atenção a semelhança que temos com os animais, teríamos qualidade de vida melhor e mais dias nos seriam acrescentados.


id

Anônimo disse...

É por isso que me orgulho de ser Rondoniense. Ter um governo com essas qualidades não é pra qualquer um.
*Alguém que traz consigo a firmeza e determinação, igual um leão diante dos obstáculos. Observa com a simplicidade e tranqüilidade de uma pomba, cada objetivo á ser alcançado.
Caminha sobe as adversidades, com a prudência e destreza de uma serpente quando está sobre um território minado.

id

Sandra Regina disse...

Gostei quando o senhor mecionou sobre as fotos dos governadores nas repetições publicas, eu acho um despediço dinheiro jogado fora com tantas fotos dos governadores que já passaram pelo estado, o dinheiro dá para ser envestido em beneficios

Anônimo disse...

SOU FUNCIONÁRIO PÚBLICO, TRABALHO NO GOVERNO A 27 ANOS, E NUNCA ME SENTIR TÃO HUMILHADO POR UM GOVERNO QUE NEM O GOVERNO DO CASSOL,A IMPRESSÃO QUE EU TIVE É QUE EU NÃO SEI MAIS FAZER O SERVIÇO QUE FIZ TODO ESSES ANOS,VOTEI NO SENHOR E GOSTARIA DE DIAS MELHORES, COM MAIS RESPEITO E DIGNIDADE. PARABÉNS PELA ELEIÇÃO.

Claudete Maria dos Santos disse...

Governador,

Mais um tema que o senhor aborda com muita propriedade. Acredito que o caminho é esse promover esse sentimento de amor pelo estado que escolhemos para viver, está faltando isso....motivar o povo de Rondônia a demonstrar que o nosso Estado é o melhor lugar do mundo. Afinal todos nós escolhemos viver aqui, por que é um bom lugar. Ou será que alguém escolhe viver num lugar ruim? Que Deus o abençoe!!

Marlene _ Buritis /RO disse...

Se não devolverem seu livro, entra no site www.estantevirtual.com.br, pela pesquisa que fiz lá tem 2 exemplares de Choque de gestão em saúde em Minas Gerais, como o Sr não informou se é em saude, estou indicando o site. Espero ter ajudado.
Abraços, boa sorte!

Anônimo disse...

Inicialmente, parábens por sua vitória. Rondônia só tem a ganhar com sua eleição. Antes eu o cumprimentava com Dr. Confúcio - médico que conhecia e respeitava - mas agora devo me acostumar com o Senhor Governador! Para ambos, o médico sério,competente, ético e amigo, assim como o político de cuja trajetória, acompanhei à distância, mas sempre com muita atenção e respeito, sucesso e todo o êxito que merece.
Após minha breve passagem por Ariquemes (1979/1982)passei a me desdobrar em duas frentes de trabalho(continuei no serviço público federal (ex-TFRO)e na UNIR, como professor, desde 1984, até hoje; mas tornei-me consultor de empresas, também na área privada). Após sucessivas decepções com homens políticos de Rondônia, não mais me envolvi com o setor público estadual, tampouco optei ou procurei trilhar um caminho político-partidário. Muitas foram as vezes em que fui convidado para ingressar em partido, mas sempre relutei. Sou um idealista, talvez um sonhador extremado, que crê em princípios, que se vê "inconformado" (Rm 12.2)e, ainda, acredita que é possível ter uma gestão pública mesmo, ou seja, "para o povo", que fuja e renegue valores do individualismo humano e busque na alteridade, a força para fazer a diferença, posto que se passa a olhar "o outro", antes do "eu". Difícil, muito difícil, mas não impossível de encontrar. Creio que - por sua obra como político (no legislativo em Brasília e no executivo da querida Ariquemes), bem como por suas idéias expressas na campanha eleitoral e agora neste blog e nas entrevistas que tenho acompanhado -posso afirmar que encontrei a pessoa que tem tudo para transformar Rondônia, social e economicamente, para melhor, muito melhor. Parabéns, Governador!
Evandro Oliveira
(profevandro@unir.br)