Este blog vai ser redirecionado!

Blog redirecionado em 6 segundos!
http://confuciomoura.com.br
Aguarde.

domingo, 24 de outubro de 2010

UMA BOA CONVERSA COM OS INDIOS

Um conferência com os indios rondonienses em Ji-Paraná, no luxuoso Hotel Maximus. Dia corrido, cheguei lá bem próximo das 23 h e eles estavam lá esperando. Queriam me conhecer e além do mais apresentar suas propostas para o futuro governo. E que sem delongas, como usam os índios, a franqueza - eles querem participar do governo. Querem uma SECRETARIA DO INDIO, com objetivo de articular uma política estadual.



O pessoal é bonito e bem informado. Não pense você que o índio de hoje é o mesmo do tempo do Pedro Alvares Cabral. De jeito nenhum. Muitos são professores, sociólogos, técnicos e expressam muito bem. Basta ver aí na foto a rosto deles. Antenor Karetiana nem se fala. O homem é viajajdo pelo mundo inteiro.


Este aí é mestre. Olhe a pose dele. O camarada fala bem pr achuchu e pode dar palestra em qualquer lugar do mundo. Informadíssimo.


O visual, o corte do cabelo, as roupas, a turma tem a sua moda fashion maravilhosamente bela. Este jovem é aí deu show com suas informações.

No entanto, continuei a visitar indios rondonienses. Nem todos são como os que estão na foto. De jeito nenhum. Em Extrema vi um pessoal sofrido. Muito sofrido. A cacique me pediu para arrumar a estrada da aldeia. Ela também é sabida, informada, mas, não tem a desenvoltura deste "staf" de Ji-Paraná.  Também visite índios em Nova Colina, várias aldeias também são maravilhosos, mas, necessitam de muito mais para que possam continuar a ser índios, viveram no mato, mas, como cidadãos especiais e diferentes,.

Em Guajará Mirim estão maioria dos índios rondonienses. Não gostei  de suas condições de vida. Dá para se ver muito índio doente. Muito índio sem poder se deslocar da aldeia para outros lugares por falta de  barcos e canoas. Vi muito menino. Fiquei sabendo que em Guajará tem mais de seis mil indios.

Não se pode deixar este povo  de fora do Brasil. Eles já pagaram uma conta muito alta em nossa história. E ainda estão pagando. Quem se diz civilizado, como nós, deveríamos ter ao menos pelos índios alguma coisa que posso chamar de consideração.

Quem lhe disse que foi Pedro Alvares Cabral que descobriu o Brasil?  Que mentira deslavada! Quem descobriu o Brasil foi quem sempre viveu por aqui, por tempos imemoriais, os índios. Eles, sim, são os verdadeiros donos desta terra, embora, continuam vivendo  acuados por todos nós, cada vez mais escurraçados e sofridos.

No meu governo o índio terá a sua parcela de contribuição. Sem dúvida nenhuma.

Nenhum comentário: