Este blog vai ser redirecionado!

Blog redirecionado em 6 segundos!
http://confuciomoura.com.br
Aguarde.

terça-feira, 3 de agosto de 2010

RONDONIA NÃO PODE PARAR.

Dia 29 de julho passado passei por Pimenta Bueno para um conversa com empresários, na sede da Associação Comercial e aí desatei o palovrório sempre juntando a razão e o coração e assim foi feito. Porque Rondônia para crescer deve fazer o seu dever de casa. E não é pouca coisa.


1. Fortalecimento de suas instituições - justiça para todos, regras claras para atrair empresas, nada de enganar e nem mentir.

2. Honrar contratos, ponto importante, para assegurar a confiança do investidor, grande ou pequeno/

3. Oferta de boas estradas, bom aeroporto internacional e navegabilidade do Rio Madeira nos dois sentidos, com portos adequados e modernos. Farta produção e oferta de energia. (ainda bem que temos quase todos os quesitos)

4. Abrir as contas governamentais para todos, sem esquemas, sem "laranjas", sem malandragem, incluir as micro e pequenas empresas nos processos licitatórios;

5. Respeito a propriedade, isto é importante, para que o Estado não fique vulnerável aos investimentos;

6. Regularização de suas terras. O Estado deve-se investir de autoridade para merecer o cargo de um governador de respeito. Oferecer documentos para todos, aí sim, só e somente só com esta iniciativa o Estado duplicará a sua produção e com os recursos de créditos novos darão impacto extraordinário ao Estado;

7. Qualificação da mão-de-obra - é indispensável. O empresário deseja pegar o trabalhador no ponto certo. Aí sim terá um salário diferenciado e de qualidade;

8. Melhrorar os serviços públicos de saúde, educação e segurança pública para estimularem empresas a se fixarem no Estado e com razoável compensação pelos gastos menores nestas atividades;

9. Combate a pobreza e a miséria, importante, para aumentar no Estado a massa do consumo, movimentar mais dinheiro. Ninguém ganha tendo gente excluída do crédito, renda e de melhores condições de vida;

10. Incentivos fiscais diferenciados e para todos, principalmente para microempreendedores individuais, microempresários e pequenas empresas.

11.promover o estimulo diferenciado ao crescimento do Estado dentro de suas vocações naturais, que aqui são bem evidentes e distintas, cada região com a sua riqueza.



Estão vendo aí, gente, é assim que desejo fazer quando governador.

Nenhum comentário: