Este blog vai ser redirecionado!

Blog redirecionado em 6 segundos!
http://confuciomoura.com.br
Aguarde.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

É DE DAR ARREPIOS


Estou no Forte Príncipe da Beira, em Costa Marques. O monumento é tão extraordinário, e de certa forma místico, que é de dar arrepios. Só em pensar na sua construção, nos detalhes, na logistica, na curva do rio, na importancia histórica. Puxa! Faltam palavras para falar da sua magia.

O canhão mirando para todos os inimigos simbólicos.Os inimigos que nunca existiram. Os inimigos da solidão. Eles continuam a mirar  para a curva do rio, celebrando a grandeza deste universa extraordinário e encantado. Talvez estejam mirando para nós mesmos, que ameaçamos a nossa natureza de biguás e praias.

Estou sobre os paredões do Forte, jogando meu corpo pra bem longe. Sobre o Rio e a Bolívia do outro lado. Estou  aqui fazendo o sinal da vitória  para que eu possa restaurar o patrimônio do abandono, mesmo tendo uma guarda permanente do Exército, que pela primeira vez vi e gostei que estejam verdadeiramente guarnecendo as fronteiras brasileiras.  O Forte é grande demais para os mosquitos, poucos olhares atentos, que acostumados à paisagem nada mais veem de admirável, a não ser ruínas.


Aí está a guarita, a marca da vigilancia permanente. O Forte será oferecido ao mundo e parece que foi construído de propósito, para incorporar-se à riqueza economica e social da região. Não foi a toa a sua construção. Foi estratégica e militar, mas, no fundo uma concepção bem moderna que o patrimônio histórico é nosso e da humaniade e que deve ser restaurado para que todos possam usufruir desta riqueza.

Nenhum comentário: