Este blog vai ser redirecionado!

Blog redirecionado em 6 segundos!
http://confuciomoura.com.br
Aguarde.

terça-feira, 31 de agosto de 2010

ACOLHIMENTO NA SAÚDE

É isto mesmo. A palavra de ordem é acolhimento. Esta palavra doce e mágica, que faz uma diferença danada na saúde.  Nada mais significa do que receber bem as pessoas nas unidades de saúde de Rondônia. Isto parece tão fácil, tão barato, tão insignificante, tão natural. Mas, parece que é um pedra no meio do caminho. Ninguém consegue acolher as pessoas humanamente.

Creio que a maior obra do meu governo será implantar o acolhimento nas unidades de saúde. Mas, implantar mesmo. Uma força tarefa com esta missão. Temos que começar. Vi em Porto Velho, na Políclinica Ana Adelaide um serviço simples, mas, que já é de bom tamanho.

Receber as pessoas doentes com humanismo. Acolher.Se possível abraçar, ouvir, tocar, medir a pressão, sentir o tamanho da dor física ou mental.  E depois informar bem. Só isto. E basta.

3 comentários:

Anônimo disse...

O Ana Adelaide é realmente um exemplo! "Dá banho" no João Paulo... Até os funcionários do Complexo Penitenciário do Urso Pandinha atendem muito bem quem ali comparece pra visitar algum detento, chega a ser mais humanizado do que o atendimento do João Paulo II ou alguns setores do Oswaldo Cruz, especialmente a direção...

Anônimo disse...

O Programa Nacional de Humanização da Assistência Hospitalar TEM QUE SAIR DO PAPEL, E SER CONCRETIZADO REALMENTE. O SR. TEM TODA RAZÃO! Evidentemente as pessoas sempre buscaram o hospital para cura de seus males e alívio de seu sofrimento, não basicamente nessa ordem. De qualquer forma, trata-se de uma procura de alívio, de preservação da vida, de devolução da saúde e melhoria do conforto pessoal.

Rosendo Luciano de disse...

Acho admirável o governador se preocupar em oferecer um serviço humanizado a população.
Mas só acontecerá de fato e continuamente se os profissionais forem valorizados, tiverem avaliação de desempenho com valorização proporcional (BSC de preferência para se avaliar aspectos qualitativos), e que estes profissionais tenha uma estrutura de trabalho decente!!! Não há no estado equipe de segurança do trabalho pensando na qualidade de vida do servidor, também não há no estado gerente de projetos formados para se implementar os projetos e fazer o devido acompanhamento de maneira profissional e qualificada... há também deficiência na gestão da informação o que reduz drasticamente a qualidade e quantidade efetiva dos serviços de saúde... Acredito na sua boa vontade e estou na torçida caro governador...