Este blog vai ser redirecionado!

Blog redirecionado em 6 segundos!
http://confuciomoura.com.br
Aguarde.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

ESCOLAS X PRESÍDIOS

Até bem pouco tempo atrás, em Vilhena, o espaço para cada preso nas celas era de 1,2 metros quadrados. Verdadeira lata de sardinha. E rola assim por outros municípios rondonienses. Da minha parte, como governador do futuro, farei tudo para melhor esta indigna situação.

Também, vejo em muitas escolas situações semelhantes, não a dura disputa pelo espaço, mas, escolas sujas, feias, banheiros deprimentes, quebrados, carteiras aos frangalhos, além de antifuncionais. E as crianças sem uniformes, usando havaianas, aquele clima de desorganização aparente. Se tudo é feio e mal arrumado transfere para os alunos o ambiente de terra arrasada. E o que é feio e desorganizado puxa ainda mais feiura pela crescente e diária vandalização do ambiente.

Creio que nestes dois extremos posso construir uma ponte - fazer o preso trabalhar para os alunos e para os hospitais. Treinar mão-de-obra nos presídios com oficinas para produção de carteiras escolares de excelente padrão para todo Estado. E também uniformes para todos os alunos. E outro grupo junto com o SENAI ser formado em pedreiro, eletricista, bombeiro hidráulico para reformas de escolas e até construções.

Eu vou pensar nesta ponte. Ela não sai da minha cabeça.  Talvez esta seja a maior ponte que construirei como governador do Estado, ela ligará estes dois infinitos humanos, o da infancia que não quero que se perca no meio do caminho e o outro lado que eu quero que volte ao bom caminho.

8 comentários:

Anônimo disse...

Meu governador, se essa ideia for posta em pratica , temos serteza que o estado estara fazendo a coisa serta.sou funcionario da educaçao aqui do interior, ja perto de aposentar so estou esperando a transposiçao sair; e vejo realmente que muita coisa poder ser feita nas escolas, porque adquirir equipamentos para as escolas em sao paulo sendo que aqui em rondonia nao falta materia prima para a confecçao de cadeiras , mesas , stc, etc muito bou sua ideia pode por em pratica que o povo agradese. Sergio

Marco Rezende disse...

Mais uma bela iniciativa! nunca é demais recorrermos a frases de efeito e "cabeça vazia, oficina do mal" é perfeita para o momento. Os reeducandos precisam trabalhar, para que os presídios transformem as escolas e não se transformem em escolas.
Ademais, Rondônia tem espaço para presídios agrícolas, com trabalho e estudo funcionando juntos, com remição de penas eficazes. Penas mais duras e longas apenas potencializam o criminoso existente dentro de cada ser humano ali apenado.

Mirian Moret disse...

Parabens pela ideia Governador, sou agente penitenciaria a 20 anos, e ate hoje sonho com uma ressocializaçao de fato.Usando mao de obra dos reeducandos, para carteiras e uniformes escolares.espero poder ser util

JEOVAPINTO disse...

Confucio, que bom ver que voce continua o mesmo "cara" de anos atras quando em conversas compartilhava dos seus sonhos para rondonia,e passados alguns anos e eleito governador é no minimo confortador ver que as metas e objetivos continuam os mesmos. Isso nos leva a crer que Rondonia passará por uma transformaçao radical e que seguramente o desenvolvimento será o grande marco do seu governo.PARABENS!!!!Obs: quero deixar claro aos leitores que essas conversas q tinhamos eram totalmetne fora de momentos politicos qdo sequer ele tinha um cargo eletivo, era apenas um "sonhador" do que se podia fazer qdo realmente se pensa no bem estar do povo.
do amigo: Jeová Pinto desde puerto ordaz na venezuela

Anônimo disse...

Não digo que deva começar por aí, mas estarás no caminho e lhe garanto muitos créditos. Creio que a saúde será seu principal encalço, não "esmureça", por que precisamos dela organizada.
Lanna

rarodeoliveira disse...

Amigo governador. É isso mesmo, a beleza é parte da cultura, da educação, do progresso, da dignidade. É comum as pessoas se portarem de maneira mais civilizada quando estão em locais mais civilizados. Os poderosos acham lindo ir a Europa e se derramarem em elogios, ou mesmo em alguma capital mais rica. Mas "esquecem" de fazer por aqui, pelo nosso povo, o movimento de dignificação dos espaços públicos. Como você compararia, escola e prisão andando perigosamente na mesma decadência. Não pode, não teremos futuro assim. Se a escola se dignificar, o aluno acompanha, sonha, deseja e colabora. Se o detento se dignificar pelo trabalho, o mesmo acontece. Parabéns pela ideia, conte conosco.

Anônimo disse...

Oi! Acho uma idéia mto interessante e sei que o Sr. tem nomes de peso , como por exemplo Coronel Walnir Ferro , Dr Walderedo Paiva, Dr Eliseu e outros que com certeza fariam um ótimo trabalho nessa área, Boa sorte ! Abraços.......

Ivonete disse...

Eu sou professora há 22 anos e sonho com o dia em que os alunos realmente entendam que a Educação poderá modificar as suas vidas.
Infelizmente o que vejo são adolescentes que não valorizam seu ambiente escolar nem cuidam dele.
Recebemos carteiras e cadeiras novas há pouco tempo e os alunos já acabaram com elas.
A escola colocou ar condicionado em três salas e os alunos que nela estudavam, acabaram com eles.
Eu sinceramente não sei o que podemos fazer para mudar este quadro, mas estou a disposição para que melhoremos a Educação de Rondônia.Sendo professora da rede estadual de ensino, colaborarei fazendo a minha parte.